It Happened

Queridos,
O pedido de hoje está fofo e abençoado, vocês vão entender o porque! Quem mandou para a gente o pedido foi a Joyce e ela conta a história dela com o Arthur, e posso garantir que ele caprichou!

“Eu e o Arthur namoramos há 1 ano e meio. Nos conhecemos por acaso, em um bar onde eu estava com minhas amigas e eles com os amigos dele. As turmas se juntaram e nós começamos a conversar e nos conhecer melhor. Daquele dia em diante não conseguimos nos separar mais.
Passou um tempo namorando e no feriado do dia 1 de maio (Dia do Trabalho), resolvemos ir para o Rio de Janeiro, pois eu tenho primas que moram na cidade. Fomos para lá, saímos e nos divertimos, namoramos, passeamos, enfim coisas normais de casais normais.

Eu costumava passar todas as férias no Rio, por ter minhas primas morando lá, mas nunca tinha feito aqueles passeios tipo city tour, para conhecer os pontos turísticos da cidade, acho que porque eu não tenho muita paciência para isso. Mas ele queria fazer o passei e eu acabei topando.

Fomos conhecer o Maracanã, Pão de açúcar, Jardim Botânico, Lapa, enfim vários lugares, e o Cristo Redentor foi ficando pra trás. E eu que sou católica, até estava curtindo o passeio porque sabia que iria ao Cristo, e nada de chegar esse momento.

Rodamos a cidade toda, até que fomos para o Cristo. Subimos aquelas ladeiras todas, as escadas rolantes e chegamos. Um lugar lindo que vale muito a pena a visita, todos devem conhecer, além de ter uma vista incrível do Rio de Janeiro.

De repente, enquanto eu estava me aprontando para tirar fotos daquilo tudo, o Arthur pega na minha mão e começa a fazer uma declaração de amor linda, dizendo que me queria na vida dele pra sempre, essas coisas, e eu achando tudo muito fofo. Quando eu percebo ele ajoelha na minha frente, tira do bolso as alianças e me pede pra ser a sua mulher pro resto da vida.

“Joyce, aqui diante do Cristo de braços abertos e pronto pra abençoar nossa união, quer casar comigo e ser minha mulher pro resto da vida?”

Vocês podem imaginar como eu me senti né? Chorei, chorei, chorei e não conseguia nem responder que sim! Mas era óbvio que eu queria aquilo, tanto quanto ele. Eu nunca imaginei que isso pudesse acontecer, ainda mais aquele dia. Achava que teríamos que namorar anos e anos para que isso pudesse, de fato, acontecer. Mas não tem jeito, quando você encontra a pessoa certa, não quer esperar anos e anos para poder ficar ao lado dela a vida toda!

Por isso eu posso dizer que hoje, sou a mulher mais feliz e realizada desse mundo e com a certeza que Deus e o Cristo Redentor estarão abençoando nossas vidas sempre!”
Joyce super obrigada por dividir esse momento fofo e marcante com a gente! O blog amou muito e vocês?
A Baroneza